5 grandes mitos sobre a reposição hormonal

25/05/2022
5-grandes-mitos-sobre-a-reposicao-hormonal.jpg

Se você já ouviu que fazer reposição hormonal engorda ou causa outros tantos problemas, continue lendo. Neste artigo vamos desmistificar os 5 grandes mitos sobre esse assunto. 

 

A reposição hormonal

Aqui no blog eu já falei várias vezes sobre o poder da reposição hormonal e sobre como ela pode ser um grande amigo para as mulheres que vivem a menopausa. Isso porque, a maioria dos sintomas da menopausa são causados devido ao desequilíbrio hormonal. E aí entra a reposição e vai nivelando de volta esses hormônios desregulados. 

 

No meu canal no youtube você também encontra uma playlist especial explicando com detalhes essa prática tão importante para a nossa qualidade de vida. 

  • Reposição hormonal engorda

Nosso primeiro mito para ser desmistificado! Na verdade, o que acontece é que durante a menopausa existe uma redistribuição da massa adiposa. Aí, a gordura começa a se armazenar em lugares como abdome e seios, e isso passa uma ideia de que a mulher ganhou peso.

  • Existe só um método de reposição hormonal

Não! Hoje em dia nós temos a reposição oral, spray, injetáveis e  transdérmicos.

  • Reposição hormonal causa câncer de mama

Essa é mito porque a reposição hormonal não causa o câncer. O que acontece é algumas mulheres que já possuem uma alta predisposição a essa doença, aumentarem suas chances com a reposição. É por isso que aqui na minha clínica nós temos todo um protocolo antes de iniciar qualquer tipo de reposição hormonal. 

  • A reposição faz mal

Pelo contrário! Muitas pessoas pensam que a reposição hormonal é perigosa ou faz mal porque associam essa terapia ao seu início, lá na década de 60 e 70. Mas muita água rolou de lá para cá e hoje essa terapia, com o auxílio da tecnologia, evoluiu muito, se tornando a melhor opção para mulheres que não querem sofrer com os efeitos do climatério. 

  • O tratamento oral é menos perigoso

Como nós falamos acima, nenhum dos métodos é perigoso. O que acontece aqui é que os métodos tradicionais, como o oral, podem parecer menos assustadores. Mas você sabia que o tratamento oral pode ser até um pouco agressivo? Isso porque o medicamento precisa ser metabolizado pelo fígado, assim como qualquer medicamento que você ingerir pela via oral. Mas esse método só é considerado agressivo em mulheres que apresentem, por exemplo, diabetes.

 

Espero que esse artigo tenha te ajudado a entender melhor a reposição hormonal e tirado os seus medos desse tratamento que hoje é tão eficaz. Se você busca uma profissional especializada para o tratamento hormonal, o link para agendar uma conversa comigo é esse aqui: AGENDE SUA CONSULTA.

 

Dra. Patricia Bretz é Ginecologista, obstetra, especialista em Oncologia Ginecológica, Endometriose, Cirurgia minimamente invasiva, Implantes hormonais e Reprodução humana

Clínica Nova Vitta - 2019. Todos os direitos reservados.